Coleção de sacolas retornáveis une arte urbana e consumo consciente

Assinadas pelos grafiteiros Tito Ferrara e Dan Roots, modelos já estão à venda nas lojas GBarbosa/Bretas/Prezunic

0

Incentivar o consumo consciente por meio de ecobags com estampas originais, assinadas por artistas brasileiros ligados à arte urbana. Essa é a proposta da coleção Artistas do Brasil, que inspira a nova linha de sacolas retornáveis à venda nas lojas da rede de supermercado GBarbosa/Bretas/Prezunic.

Além de ser uma opção ambientalmente correta, elas também podem ser consideradas um artigo de fast fashion: são sete modelos colecionáveis que levam o design de Tito Ferrara e Dan Roots, ambos paulistas e conhecidos na cena da street art.

Com cores vivas, as estampas trazem traços de regionalidade, diversidade, mandalas, natureza, entre outras, dando origem a ecobags cheias de atitude e estilo.

“Trata-se de uma proposta contemporânea e estamos muito felizes com a repercussão por incentivar o uso das sacolas retornáveis, que ainda não são um hábito da população. Com capacidade de até 15kg uma sacola retornável ajuda a poupar, pelo menos, seis sacos plásticos, que levam cerca de um século para decompor”, pondera Joana Karla Souza, gerente comercial de Bazar da Cencosud Brasil, grupo ao qual pertence o GBarbosa/Bretas/Prezunic.

Projeto Artistas do Brasil dá visibilidade ao trabalho de artistas contemporâneos

Quem já desenvolve algum trabalho ligado a arte urbana e deseja participar do projeto Artistas do Brasil pode enviar algumas imagens por e-mail com o título Artistas do Brasil para a B4U Bags (contato@b4u.bio.br), empresa responsável pela seleção das estampas das ecobags.

“Além de dar uma cara moderna e atual às sacolas, o projeto dá visibilidade ao trabalho desenvolvido na cena da arte urbana, uma tendência muito forte e que cria identificação com o público”, explica Carlos Nauff, diretor da B4U Bags. A coleção será renovada com o trabalho de novos artistas – ou seja, quem gostou de uma estampa e não levou, corre o risco de não encontra-la mais.

Deixe uma resposta