Decós Day Hospital conquista certificação da Organização Nacional de Acreditação

0

O ano de 2020 começou com boas notícias para a saúde em Sergipe e para o Decós Day Hospital, que é o primeiro hospital dia do Estado e o oitavo do nordeste a conquistar a acreditação pela Organização Nacional de Acreditação (ONA). A população agora conta com uma instituição de saúde que é reconhecida pela segurança dos seus procedimentos, de acordo com os mais rigorosos padrões de qualidade.

E para conquistar esse lugar no topo, foi preciso muito empenho de toda a equipe.  De acordo com diretora-técnica do Decós, Dra. Maria Fernanda Malaman, o início desse processo de avaliação foi em julho de 2018 e a primeira etapa consistiu em uma visita que a Instituição fez ao hospital para fazer um diagnóstico de tudo que acontecia. “Foi um trabalho árduo, o processo durou um ano e meio. Nesse ínterim, tivemos durante um ano visitas da ONA para nos ajudar a adequar todos os protocolos. Era um acompanhamento mensal, nós tínhamos encontros onde tudo era discutido, os manuais dessa instituição foram vistos e cumpridos um a um “, explicou.

Para a diretora-técnica do Décos Day Hospital, todo processo foi muito importante por ser uma espécie de ‘Raio X’. “Olhamos a instituição de uma forma bem ampla, que englobou todos os setores: o administrativo, infraestrutura, a parte assistencial, que está ligada diretamente ao paciente, enfim, tudo com foco na melhoria e na segurança. Dessa forma,  é um processo que faz com que conheçamos muito profundamente a nossa instituição, onde podemos detectar todas as nossas forças e fragilidades, consertar o que não tiver de acordo e tornar todo o processo mais seguro. Conseguir essa certificação foi uma gratificação muito grande, um empenho muito grande da nossa equipe, todos se envolveram profundamente e obtivemos sucesso”, declarou.

A acreditação da ONA tem três etapas e a certificação recebida pelo Decós é a nível 1, voltada para parte assistencial e à segurança do paciente, bem como a estrutura hospitalar. “Nesse processo revemos todos os protocolos institucionais e rotinas visando maior segurança dos procedimentos”, concluiu.

Deixe uma resposta