Dia do Livro: ação de troca de obras estimula leitura e desapego

0
Psicóloga Ivina é recebida pela diretoria do Colégio do Salvador. Foto: Shirley Vidal

Em alusão ao Dia do Livro, o Colégio do Salvador realizará um dia de troca de livros no próximo dia 18 de abril. A ação é uma parceria com o projeto Biblioteca Livre e tem como principal objetivo estimular a leitura e a troca de obras, sejam elas literárias ou técnicas.

A troca de livros ocorrerá entre alunos que estão no mesmo nível de ensino, para que a faixa etária de desenvolvimento cognitivo seja respeitada. Ou seja, os discentes trocarão livros com os seus pares: aluno da Educação Infantil trocará livro com colega da Educação Infantil, se é do Fundamental Menor, trocará com o colega do Fundamental Menor e alunos do Ensino Médio e Fundamental Maior, trocarão entre si.

Na prática, a troca será bem simples. Serão dispostos espaços para que, ao chegarem, os alunos depositem seu livro e, durante o período de permanência na Escola, vá garimpando e escolhendo um outro livro que queira levar com ele. O aluno terá direito de adquirir a mesma quantidade de livros que levou para troca, ou seja, se ele trouxe um livro, pode trocar por um, se trouxe dez, poderá levar dez.

Serão bem-vindos livros paradidáticos, gibis, mangás e literatura em geral. Livros didáticos não estão valendo! Os alunos mais desapegados, também têm a opção de fazer a doação de livros para o projeto Biblioteca Livre.

Biblioteca Livre

O projeto Biblioteca Livre foi criado pela psicóloga Ivina Ariane. Segundo ela, o trabalho já era feito há algum tempo, mas entre amigos. Há um mês, a psicóloga começou a realizar a divulgação para que o projeto de difusão da leitura seja propagado.

Ivina explica ainda que a pretensão é que a Biblioteca Livre tenha uma sede. Enquanto isso não acontece, o projeto funciona na recepção do seu consultório localizado no Centro Médico Jardins. A dinâmica da troca é a mesma que será aplicada com os alunos do Colégio do Salvador.

Deixe uma resposta