Entrevista: Câncer de mama masculino. Fique atento!

0

O câncer de mama ocorre principalmente em mulheres, mas o que muita gente não sabe, é que os homens também podem ter a doença. Apesar de raro, alguns sinais e sintomas podem sugerir que o homem tenha câncer de mama. A médica mastologista, Taynara Carvalho, esclarece os sinais, sintomas, diagnóstico e tratamento para homens com câncer de mama. Estudos mostram que a média de idade dos homens acometidos pelo câncer de mama é entre 60 e 70 anos, o que dificulta o tratamento. Por isso é importante ficar atento aos sinais.

VIP – Quais são os sintomas do câncer de mama masculino?
A apresentação mais frequente é um nódulo – uma tumoração (caroço) palpável na região retroareolar (atrás do mamilo), que pode ser dolorosa ou não. Também é comum alterações no mamilo, como retração da pele local, saída de líquido, ferida (ulceração). Alguns homens podem também notar caroços na axila.

VIP – O que  fazer ao descobrir sintomas de câncer de mama masculino?
Todo homem que notar um nódulo na mama deve procurar um mastologista com brevidade, que fará o diagnóstico e o adequado tratamento.  É importante frisar que tem que ser feito um diagnóstico diferencial de outras patologias da mama masculina, como ginecomastia (presença de tecido glandular) e lipomastia (tecido adiposo).

Médica mastologista, Taynara Carvalho
Médica mastologista, Taynara Carvalho

VIP – O homem também deve fazer o autoexame?
Não existe recomendação de exame de rotina para homens. A orientação é procurar o especialista, caso note algo diferente.

VIP – Quais são os tratamentos existentes para o câncer de mama masculino?
O tratamento é similar ao das mulheres com câncer de mama, e inclui cirurgia, radioterapia, quimioterapia e hormonioterapia (comprimidos de bloqueadores hormonais). Nem sempre todas essas etapas são necessárias, o tratamento é individualizado para cada paciente.

VIP – Existem fatores de risco que podem aumentar os ricos de desenvolver o câncer em homens?
Os principais fatores de risco para câncer de mama masculino são: síndrome de Klinefelter (doença genética), doenças hepáticas crônicas, obesidade, diabetes, etilismo, ginecomastia e história familiar.  Importante: se na família tem caso de câncer de mama em homem, as mulheres da família têm maior risco de desenvolver a doença, sendo assim, devem fazer acompanhamento com um mastologista.

VIP – Qual a estatística de diagnósticos de câncer de mama masculino em relação ao feminino?
O câncer de mama em homens representa cerca de 1% dos casos de câncer de mama. Um estudo internacional realizado em 2013 (International  Journal of Cancer) mostrou uma proporção de 1 caso de câncer de mama em homens para 122 casos em mulheres, e mostrou também que no Brasil houve aumento do número de casos de câncer de mama masculino.

Por Danielle Cavalcante, da Equipe Vip

 

Deixe uma resposta