Morena dos Olhos Pretos: trajetória de Clemilda vira documentário

'Morena dos Olhos Pretos' conta a história da cantora que virou referência do forró nacional e ficou conhecida pelas irreverentes músicas de duplo sentido. Produção é da Havana Filmes

0
Morena dos Olhos Pretos conta a história da icônica Clemilda (Foto: Secult/SE)

Importante ícone para a cultura sergipana – e por que não dizer, brasileira? – a cantora Clemilda, embora tenha falecido no ano de 2014, tornou-se imortal após ter sua vida retratada no documentárioMorena dos Olhos Pretos’.

Com produção da Havana Filmes e dirigida pelo diretor Cinematográfico, Isaac Dourado, o longa traz à tona a história da cantora alagoana, que foi uma grande referência para a cultura popular brasileira. Clemilda era conhecida como a rainha do forró e das irreverentes músicas de duplo sentido.

A escolha pela produção de um documentário, de acordo com o diretor, partiu da ideia de deixar a história da cantora mais real, com a participação de pessoas que também pudessem ajudar a contar a trajetória dela.

Filme conta a vida e a carreira da cantora de forró (Frame/Havana Filmes)
Filme conta a vida e a carreira da cantora de forró (Frame/Havana Filmes)

“Quando experimentei trabalhar com documentário – nadando contra a corrente de muita gente que diz até hoje que o documentário naufragou – percebi a verdadeira essência do registro do real, já que a própria realidade é o assunto desse gênero de filmes, e é algo que existe de fato; gente de verdade, acontecimentos de verdade, sentimentos de verdade, estados de espírito, sorrisos e choros verdadeiros”, complementa Isaac.

O diretor conta que conheceu Clemilda em 2011, por intermédio da irmã dele, e logo decidiu produzir algo sobre ela.

“Senti uma cutucada, então eu disse: vamos lá! No ano seguinte começamos a trabalhar. O processo de produção foi longo, durou quatro anos, mas conseguimos lançar o filme em outubro de 2016, no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro”, explica.

Cinema em Sergipe

Em Aracaju (SE), o filme foi lançado no Cine Vitória, durante a programação da Mostra Sesc Serigy de Cinema, onde também conquistou o 2º prêmio na categoria ‘júri popular’.

“Eu acho muito importante que se promova o cinema feito em Sergipe, o que entusiasma de certa forma essa nossa turma que ‘teima’ em produzir bons filmes com muito pouco orçamento.  Dizem por aí que trabalhar com cinema em Sergipe é a rota mais curta rumo à pobreza. Mas, penso eu que é através dessas realizações que incansavelmente repetimos, para que todos se lembrem que o cinema é uma arte, uma incontornável arte. Ao realizar filmes, aprende-se algo sobre a vida”, ressalta Isaac.

O diretor também produziu outros filmes, a exemplo de Hotel Palace (2013) e Madona e a Cidade Paraíso (2014), que também falam de ícones culturais sergipanos. Isaac também produziu videoclipes de bandas como Kararoots (SE), Cataluzes (SE), Asas Morenas (SE) e Vanguart (MT).

SINOPSE – Morena dos Olhos Pretos
86 MINUTOS – 2016 – LIVRE

Esta é a história da cantora Clemilda, Rainha do Forró e da música de duplo sentido. Nascida em São José da Laje (AL), foi uma grande referência da cultura popular brasileira. Na voz dela, clássicos como Prenda o Tadeu e Forró Cheiroso fizeram sucesso em todo o Brasil e lhe renderam discos de ouro e fama.

O filme apresenta vasto material de arquivo e soma entrevistas com músicos, amigos, familiares e produtores que conviveram com a cantora. O filme traz uma narrativa repleta de bom humor, mas também com muitas nuances sociais.

Por Danielle Menezes, da Equipe Vip

Deixe uma resposta