Setembro Verde alerta para a prevenção do câncer colorretal

0

O mês de setembro foi escolhido pela Sociedade Brasileira de Coloproctologia para ampliar a divulgação e alertar a população sobre a importância da prevenção do câncer colorretal. Segundo dados do Instituto Nacional Câncer (INCA) a doença é a terceira mais frequente entre os homens, logo após do câncer de próstata e de pulmão, e a segunda mais incidente nas mulheres, perdendo apenas para o câncer de mama.

Este tumor maligno se desenvolve no intestino grosso ou em sua porção final, o reto. Atingindo homens e mulheres de forma semelhante, com incidência discretamente maior na população masculina.

De acordo com o coloproctologista do Decós Day Hospital, Hernan Centurion Sobral , a ocorrência deste tipo de câncer ocorre predominante na faixa etária adulta, principalmente a partir da quinta década de vida, sendo raro em crianças.

O especialista também explicou a respeito das características do tumor colorretal. “O principal tipo é o adenocarcinoma. Em 90% dos casos, esse tumor se origina a partir de um pólipo adenomatoso que, ao longo dos anos, sofre alterações degenerativas progressivas em suas células”, destacou.

Prevenção

A prevenção é fundamental neste tipo de câncer, pois é um dos poucos tumores que podem ser prevenidos, já que a maioria tem origem no pólipo. Por isso, a importância dos exames preventivos.

“A principal forma de prevenção do câncer colorretal é o seu rastreamento por exames como a colonoscopia, visando a detecção e retiradas dos pólipos antes mesmo de se degenerarem em câncer propriamente dito”, ressaltou Dr. Hernan Augusto Sobral.

Outro fato importante na prevenção é o cultivo de hábitos saudáveis, já que a obesidade, sedentarismo, tabagismo, consumo excessivo de álcool, dieta rica em carne vermelha e alimentos processados, são influenciadores no desenvolvimento da doença.

Bons hábitos alimentares ajudam na prevenção do câncer de intestino. Ingerir diariamente fibras, frutas, verduras, peixes e evitar a ingestão exagerada de álcool.

Sintomas

Vale destacar que o câncer colorretal é silencioso, na maioria dos casos, os sintomas só aparecem em estágio mais avançado da doença. Alguns deles são: mudança repentina e persistente dos hábitos intestinais, como diarreia, constipação e fezes com sangue e escuras, além de dor abdominal, anemia, fraqueza e perda de peso.

Deixe uma resposta