Simpósio discute cuidados com idosos e envelhecimento saudável

0
Simpósio também aconteceu no 1º semestre

O Espaço Ativo, clínica de geriatria integrada, realizou na manhã deste sábado, 24, a II Edição do Simpósio para Filhos de Pais Idosos. O evento, que reuniu, em maioria, filhos de pacientes, teve como objetivo dialogar e orientar o público-alvo sobre diversos assuntos relacionados ao envelhecimento saudável.

De acordo com um dos geriatras do Espaço Ativo, Eduardo Minomo, o momento foi de esclarecimentos sobre os cuidados especiais que os idosos devem receber, bem como os estímulos que podem ser realizados para prevenir doenças.

“Fico feliz em ver o auditório cheio, nesta segunda edição do simpósio, que trata sobre o envelhecimento e os cuidados com idosos, uma vez que pesquisas mostram que os filhos cuidam dos pais, em média, por 18 a 20 anos durante a terceira idade eles. Por isso, eles devem estar atentos, cada vez mais, ao aprimoramento deste processo”, ressalta.

 Temas abordados

O ciclo de palestras e mesas redondas aconteceu no auditório da AEASE e contou também com a presença de diversos profissionais da área da saúde, como geriatras, terapeuta ocupacional e psicólogo, por exemplo, além de parceiros do Espaço Ativo.

Dentre os temas abordados, a principal doença neurológica que acomete os idosos: o Alzheimer e seus cuidados, prevenção e tratamentos. Além disso, os especialistas também falaram sobre assistência à saúde do idoso, saúde auditiva e atendimentos de saúde domiciliares.

Um dos assuntos mais reforçados com o público foi a importância da reserva cognitiva, que pode ser adquirida através de atividades que estimulem o cérebro. Quem falou sobre o assunto foi a terapeuta ocupacional, Luciana Deichmann.

“O treino cognitivo, que nós do Espaço Ativo trabalhamos de forma interdisciplinar, mas sobretudo no Curso Mente Ativa, tem como objetivo prevenir, controlar ou mesmo retardar sintomas de doenças como o Alzheimer. É importante trazermos essas informações para este evento, para que os familiares saibam da importância disso, como também consigam identificar sintomas de alerta, que devem ser observados, diagnosticados e tratados por profissionais”, informa.

O público presente também pôde conhecer os serviços oferecidos pelo Espaço Ativo, apresentados pela geriatria Juliana Santana que tirou dúvidas e falou sobre a importância de cada um deles para o envelhecimento saudável.

 Público satisfeito

Os familiares dos idosos também puderam interagir entre si em diversos momentos, como nos debates das mesas redondas, bem como no coffee-break, visita aos estandes e ao final do evento.

“Quero parabenizar o Espaço Ativo por esse evento maravilhoso, que nos auxilia a cuidar melhor, a termos mais orientações acerca do paciente da terceira idade. Sou esposa de Sr. Raimundo, que já possui um quadro demência muito bem controlado e acompanhado pela equipe da clínica, desde 2014”, ressalta a aposentada Silvia Maria Almeida Santos.

A bancária Maria Andréia Tavares do Rosário também ressalta a importância dos temas abordados. Ela, que tem uma mãe portadora de Alzheimer há 7 anos, diz que os cuidados não são fáceis. “Quero elogiar o evento, sobretudo a palestra da que falou sobre os cuidados que os filhos dos idosos devem ter com si mesmo, do ponto de vista psicológico, porque cuidar de um paciente idoso não é tarefa fácil. Tenho cuidadoras que me auxiliam neste processo, mas por ser filha única, supervisiono e cuido da situação sozinha. A cada dia, é uma superação diferente, um obstáculo vencido, e os temas apresentados me fizeram refletir positivamente sobre isso”, complementa.

Parcerias

O Simpósio para Filhos de Pais Idosos contou com a parceria de diversas instituições, a exemplo da S.O.S. Vida, uma empresa de Home Care que atende, dentre outros públicos, idosos acamados.

“A parceria com o Espaço Ativo é muito importante, fundamental, pois o público-alvo deles requer, muitas vezes, o serviço de atendimento e cuidados domiciliares. Com isso, conseguimos atender a essa demanda dos pacientes que, infelizmente, chegam ao estágio de precisarem ficar acamados. Com o serviço de home care, evitamos que este idoso precise ser hospitalizado, continuando dentro do seu próprio lar, com mais conforto”, ressalta a gestora da S.O.S. Vida em Sergipe, a médica Marta Simone de Santana Sousa.

Como forma de auxiliar idosos carentes, a entrada do evento consistiu em doações de fraldas geriátricas, que serão encaminhadas em breve para ao abrigos Same, Lar Dulce Lar e Isaías Barreto.

Deixe uma resposta